Está aqui

GPL – Butano e Propano

Gás de Botija

Os gases de petróleo liquefeito (propano e butano), armazenados em botijas ou garrafas, são a principal alternativa para famílias que desejam liberar-se da eletricidade e não estar conectadas à rede de gás natural. Estima-se que o consumo mundial de propano e butano, em residências, atinja pouco mais de 48% do consumo total; enquanto que em Portugal, este valor sobe a 75%.

Alterações ou contratações?Todas as gestões num só lugar. Auxiliamos gratuitamente!!
Chamada Gratuita Leve-me ao comparador


O que é o GPL

GPL é como se designam misturas de hidrocarbonetos leves e são obtidos a partir do petróleo bruto e do gás natural.

Os GPL são de fácil armazenamento, transporte, distribuição e utilização devido ao fato de que sua composição permite a liquefação à temperatura ambiente, sob uma pressão moderada e uma completa vaporização quando libertados a pressão atmosférica.

Diferenças entre Propano e Butano

As propriedades físicas do propano e do butano apresentam algumas diferenças que farão com que seus usos possam ser remetidos a objetivos diferentes. Ambos são obtidos a partir do petróleo liquefeito e as suas diferenças provêm da forma como são refinados.

Abaixo poderá conhecer as principais diferenças entre eles:

  1. Para uma mesma temperatura ambiente, a pressão no interior da garrafa de propano é bastante superior à do butano. Isso influencia a que, caso haja uma fuga, o propano se espalhe com mais rapidez e pode, com mais facilidade, provocar uma explosão. Por esta razão, geralmente não é aconselhada sua utilização dentro de residências. Pelo mesmo motivo, a ligação das garrafas de butano e propano aos aparelhos é bastante diferente, sendo necessária, para este último, uma maior precaução, com uma instalação e revisões feitas por entidades inspetoras reguladas;
  2. O butano não está aconselhado a ambientes com temperaturas que sejam inferiores a 0°C, pois a estas temperaturas, o gás, em estado líquido dentro da botija, perde a sua capacidade de gaseificação e, portanto, não chega gás aos queimadores; já com o propano, para que o mesmo aconteça, a temperatura precisa ser de -40°C.
  3. Quando utilizados em condições semelhantes, o propano engarrafado consegue responder melhor, em termos qualitativos, do que o butano. Ele permite um aquecimento mais homogéneo, um maior controle de pureza dos processos, da modulação da chama e uma estabilidade na temperatura, por isso o butano acaba sendo mais habitual para uso doméstico; enquanto que o propano atende a clientes de grande consumo, seja em hotéis e restaurantes ou para usos industriais.

Os usos do GPL

Os principais usos dos gases de petróleo liquefeito são:

  • o aquecimento a gás (aquecimento ao ar livre e locais climatizados);
  • aquecedores de água;
  • para cozinhar;
  • em bricolagem;
  • na jardinagem;
  • em campings;
  • em churrasqueiras;
  • usos industriais (petroquímicos);
  • propulsão de veículos GPL.

Números importantes de GPL

Em 2015 o consumo total de Butano foi de 2.944kt, enquanto o de Propano foi de 8.479kt.

Valores em Quilotoneladas (kt) – Fonte: Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG)
  Ago 2015 Set 2015 Out 2015 Nov 2015 Dez 2015 Jan 2016 Fev 2016 Mar 2016 Abr 2016 Mai 2016 Jun 2016 Jul 2016 Ago 2016 %
Total 944 931 920 901 878 853 848 843 843 851 848 840 837 -11,3%
Butano 239 232 227 230 228 220 222 226 236 248 254 259 267 11,7%
Propano 705 699 693 671 650 633 626 617 607 603 594 581 570 -19,1%

% - variação do consumo referente ao ano-móvel entre agosto de 2016 e o mês homólogo do ano anterior

Comparando com ano-móvel de agosto de 2015, o consumo de butano aumentou 11,7%, enquanto o propano diminuiu 19,1%. Esta descida deve-se fundamentalmente à menor utilização na indústria petroquímica.

 

Gás em Botija (Propano ou Butano)

De tamanhos e diâmetros variáveis, os cilindros de gás costumam ser utilizados para alimentar equipamentos para cozinha, aquecimento e água quente em lugares que não estejam conectados à rede de gás natural. Para adquirir uma garrafa de gás, é preciso ir a algum revendedor autorizado, como geralmente o são postos de gasolina, alguns supermercados ou lojas de conveniência e transportá-la à sua residência. Ao conectá-la em sua casa, é importante obedecer às medidas de segurança.

Para comparar preços de gás engarrafado, é importante verificar os preços das diferentes botijas de gás em um mesmo ponto de venta e, também, a variação que pode haver entre diferentes lugares que comercializam este produto.

Além dos preços, ao escolher a garrafa de gás que levará à casa, é importante comparar também outros elementos dos cilindros, como a autonomia, peso e ergonomia.

É importante mencionar que este produto não é vendido por quilogramo, mas por garrafa. E o seu valor total corresponde ao preço do gás contido nela mais as diversas parcelas da cadeia de valor a que está associada, além de tudo o que se refere à embalagem do produto, transporte, distribuição, armazenamento e controle de qualidade do produto comercializado.

Propano

O gás propano não só é vendido em garrafas, mas seus consumidores também podem optar pelo fornecimento a granel ou em tê-lo canalizado. Geralmente, o primeiro é recomendado para lugares em que haja um elevado consumo de gás e, ao comprá-lo a granel, poderá contar com uma certa poupança. Quando se compra a granel, é comum que o reabastecimento seja automático e a empresa possa monitorizar os níveis de gás no reservatório para saber quando terá que repor.

Já o propano canalizado apresenta grandes vantagens em relação às garrafas:

  1. garante um fornecimento continuo de gás;
  2. reduz o consumo, pois como possui um alto poder calorífico, permite atingir elevadas temperaturas com uma menor quantidade de gás e em menor tempo;
  3. é mais seguro, já que seus reservatórios são externos, fora das residências;
  4. o contador é instalado individualmente dentro de cada casa, o que permite ao cliente a monitorização do seu consumo.

Além disso, é importante ressaltar que o gás propano é uma fonte de energia limpa, que não ataca a camada de ozono e não libera quaisquer cheiros ou fumos tóxicos.

Lista de distribuidores propano e butano

Estes são alguns dos principais distribuidores de GPL em Portugal:

  • Galp
  • Repsol
  • OZ Energia
  • RUBiS Gás
  • Tutigas
  • Gascan (propano canalizado)
Partilhar no Facebook  Partilhar no Twitter  Partilhar no Google Plus