Está aqui

Escalões de consumo

call lojaluz
Escalões de consumo gas natural

Os escalões de consumo separam as opções de tarifas do consumo anual que o cliente faz. No momento em que chega a sua fatura de gás natural, pode não perceber este facto. Estes são detalhes do fornecimento de gás que o cliente deve ter conhecimento.

Este artigo ajudá-lo-á a perceber do que se trata quando aparece numa fatura "escalões de consumo" e qual é o correspondente ao seu consumo. Com este conhecimento já poderá escolher a tarifa que melhor satisfaça as suas necessidades.

Avalie a sua companhia Sabia que já pode avaliar a sua comercializadora energética através da nossa plataforma informativa? É verdade! O portal Lojaluz.com criou um local onde pode comentar e avaliar o serviço de algumas das suas companhias de eletricidade e gás.
Avaliar

Escalões e tarifas de gás natural

Alterações ou contratações?Todas as gestões num só lugar. Auxiliamos gratuitamente!!
Chamada Gratuita Leve-me ao comparador

As tarifas de gás natural que se encontram à disposição do cliente que já aderiu ao mercado livre estão divididas em escalões segundo o consumo anual que o cliente faz no seu imóvel. Esta adaptação entre a tarifa contratada e o escalão é feito de maneira automática e com uma periodicidade anual.

Todos os consumidores do tipo domésticos estão ao abrigo das condições de baixa pressão, com consumos anuais iguais ou inferiores a 10000 m³. Com estas condições, o cliente dispõe de uma opção de tarifas dividida entre quatro escalões:

Escalão m3/ano Tipo de Cliente Termo Fixo (aproximado)

 

Escalão 1

 

0 – 220

Garagem; apartamento com consumo muito baixo

 

2,50 €/mês

 

Escalão 2

 

221 – 500

Consumo médio de uma família de 4 elementos.

 

3,50 €/mês

 

Escalão 3

 

501 – 1000

Família numerosa; consumo profissional baixo

 

5,00 €/mês

 

 

Escalão 4

 

1001 - 10000

Consumo familiar alto; Profissional com consumo normal.

 

5,20 €/mês

Escolher um escalão de gás natural

Quando o cliente faz uma nova ligação de gás natural, deve escolher o escalão e a tarifa que quer contratar. Após aconselhamento do funcionário da comercializadora, indicando qual deverá ser a melhor opção a contratar de entre as tarifas disponíveis no mercado, poderá assinar o contrato.

Se durante o primeiro ano o consumo não corresponder àquilo que havia sido contratado, o cliente pode contactar a comercializadora de gás com a qual estabeleceu o contrato e solicitar esta correção. Se for mais baixo, a distribuidora fará a leitura bimestral e informará sobre esta anomalia.

Fator de conversão nos escalões do gás natural

O consumo nos escalões vem identificado por m³/ano, mas no contador aparece em kWh. A equivalência é dada, através de um fator de conversão:

Fator de Conversão (m³ para kWh) = PCS x Fct x Fcp

Sendo:

  • PCS: Poder Calorífico Superior do gás natural. Valor correspondente à média aritmética dos valores de PCS mensal, relativos a todos os meses já concluídos e englobados no período de faturação. Os valores de PCS mensal são determinados pela média aritmética dos valores de PCS diário, disponibilizados pelo operador de rede de transporte, REN.
  • Fct: Factor de correcção por temperatura calculado pela fórmula 273,15/(273,15+Tgás), em que Tgás corresponde à temperatura média, em ºC, da zona de distribuição onde se situa a instalação, de acordo com a seguinte tabela:
    Rede de distribuição Temperatura (Tgás) FCT

    Lisboagás

    15º

    0,947944

    Setgás

    15º

    0,947944

    Lusitaniagás

    15º

    0,947944

    Medigás

    15º

    0,947944

    Paxgás

    15º

    0,947944

    Dianagás

    15º

    0,947944

    Tagusgás

    15º

    0,947944

    Duriensegás

    11º

    0,961288

    Sonorgás

    11º

    0,961288

    Beiragás

    11º

    0,961288

    Portgás

    11º

    0,961288

  • Fcp: Fator de correção por pressão calculado pela fórmula (Pr+1013,25)/1013,25, em que Pr é a pressão relativa de fornecimento em mbar.

Quais as empresas de gás que operam em Portugal?

O cliente deve comparar as empresas de gás natural que operam no mercado livre português para conseguir uma maior poupança na fatura deste serviço.

As empresas comercializadoras de gás natural no mercado livre são:

  • Galp Energia
  • Goldenergy
  • Audax
  • Endesa
  • Energia Simples
  • Iberdrola

Que tarifa escolher para poupar na fatura de gás

O cliente, assim que saiber qual a sua distribuidora, deve proceder a uma comparação para saber qual é a melhor tarifa para ele. As comercializadoras não só têm as suas tarifas, como aplicam diferentes descontos às mesmas, o que é muito importante para o cliente interessado na poupança no gás.

Se ainda não aderiu ao mercado livre, saiba que a Lojaluz conta com uma equipa de profissionais especializados, dispostos a ajudar seja qual for a sua dúvida em relação ao gás natural. Não hesite em contactar-nos e comece a poupar o mais rápido possível.

Comparação de tarifas de gás

O cliente deve saber ler a sua fatura de gás para conseguir proceder a uma melhor comparação entre as companhias. Caso tenha algum tipo de dificuldade nesta questão, pode contar com a ajuda da LojaLuz, contactando-nos ou contactando a própria companhia. Quando já estiver esclarecido pode mudar a tarifa de gás natural.

  • Termo fixo de gás: montante fixo a pagar pelo fornecimento de gás natural, mesmo sem ter consumo nesse ponto. Este ponto depende da contratação feita com a companhia;
  • Termo de consumo de gás natural: este conceito da fatura depende do consumo que o cliente faz no ponto, transmitidos em KWh e correspondentes ao período da fatura.
*Faturação eletrónica

Que tarifa escolher de gás natural

Qualquer consumidor que queira contratar a melhor tarifa de gás natural deverá usar o comparador de gás natural. Esta é uma aplicação que permite aos clientes comparar e estudar todas as ofertas do mercado e selecionar aquela que melhor se adapta às suas necessidades.

Nesta comparação são avaliados os seguintes aspetos:

  • Consumo anual de gás natural;
  • Características básicas do imóvel;
  • Utilização do fornecimento de gás natural.
Partilhar no Facebook  Partilhar no Twitter  Partilhar no Google Plus