Está aqui

Nova Ligação em Baixa Tensão

banner ligar luz

call lojaluz

nova ligação baixa ligação

Para proceder à realização de uma nova ligação em Baixa Tensão, o cliente deverá perceber dois momentos, neste processo: um primeiro que diz respeito à contratação da distribuidora de energia électrica, que no caso de Portugal é da responsabilidade da EDP Distribuição. Em segundo lugar deve, após finalização da contratação da distribuidora, contratar uma companhia que lhe forneça a energia eléctrica (EDP; Galp Energia; GN Fenosa; Endesa; Iberdrola; Luzboa e YLCE).

Após terminar estes dois processos, terá uma ligação eléctrica em baixa tensão.

Contratar distribuidor de energia eléctrica

Para obter uma nova ligação à rede elétrica,em sua casa, necessita de estar ligado à EDP Distribuição. É esta a companhia responsável por este processo, que se caracteriza por ser de fácil e rápida execução. Este prcoesso caracteriza-se por 4 fases: uma primeira, onde deve solicitar a ligação, uma segunda onde é feito o pedido de orçamento para essa mesma ligação, uma terceira em que o cliente aceita ou não o orçamento que lhe é proposto e a última, após a aceitação se procede à construção.

Este esquema ajuda-nos a perceber tudo o que necessário, passo a passo, para fazer a ligação da luz e é uma forma, esquematizada, de reunir toda a informação.

Os tipos de baixa tensão

Em Portugal temos distintos tipos de tensões, distribuídas de acordo com as necessidades de cada um. Observe como são divididas as tensões e para qual segmento, geralmente, são usadas.

Baixa Tensão: Potências contratadas iguais ou inferiores a 45 kVA e potência mínima contratada de 1,15 kVA. Este tipo é aconselhável para clientes residenciais, lojas, escritórios e pequenas empresas. BTN (Baixa Tensão Normal para potências <41.4 kVA) e BTE (Baixa Tensão Especial para potências entre 41.4 kVA e 45 kVA).

Média Tensão: tensão entre fases cujo valor eficaz é superior a 1kV e igual ou inferior a 45kV. Estas potências são específicas para indústrias.

Alta Tensão: Tensão entre fases cujo valor eficaz é superior a 45KW e igual ou inferior a 110KW e a potência contratada é igual ou superior a 6MW. O uso desta potência destina-se à indústria siderúrgica, grandes hospitais, indústria da celulose, indústria de plásticos, indústria de adubos, serviços energéticos, etc.

Requisição de uma ligação

O primeiro passo do processo é estar ligado a uma rede de baixa tensão. Se não está, deve proceder essa mesma ligação. Para isso, deve recorrer à EDP distribuição, que é a responsável por este processo, em Portugal.

Se o cliente já tiver a instalação completa, simplesmente terá de entrar em contacto com a EDP Distribuição para verificar se o local é o indicado para passar a energia eléctrica. Deve também esclarecer se precisa ou não de voltar a fazer uma ficha técnica ou certificado da parte de um operador da CERTIEL.

Orçamento da instalação elétrica

Após a requisição de uma nova ligação, o cliente deve pedir um orçamento para execução da mesma, ou seja, isto significa que cliente deverá solicitar um ramal de alimentação.

  • Para este fim, deverá facilitar:
  • BI ou Cartão Cidadão e dados de identificação
  • Licença municipal aprovada por um eletrecista
  • Realizar um primeiro pagamento chamado “custo à cabeça”

Uma vez feito o pedido do ramal, o cliente terá em 15 dias, o orçamento do custo de construção da nova instalação. Esta pode ser feita pelo próprio cliente ou pelo operário da companhia.

Aceitação do orçamento da instalação elétrica

Após os 15 dias do pedido de orçamento, o cliente receberá as seguintes informações que o ajudaram a aceitar ou não o que lhe é proposto:

  1. Condições técnicas de ligação
  2. Caracterísitcas Ténicas
  3. Materiais necessários

Caso o cliente aceite, passa-se à fase da construção, que é, também, a última deste processo de ligação a uma nova rede eléctrica de baixa tensão.

Construção da instalação elétrica

Quando a construção está concluída, entra em vigor o Alto de Entrega e a ficha técnica do CERTIEL. Assim, o cliente já pode iniciar a celebração do contrato do fornecimento de energia eléctrica com qualquer uma das companhias comercializadoras.

Comparar as tarifas de luz do mercado livre

O cliente deve comparar todas as opções que tem disponíveis no mercado livre. Apresentamos o caso de um doméstico que quer a comparação de tarifas sem condições contratuais, exceto a eletricidade da YLCE, que não tem tarifa sem factura electrónica.

Contratar o fornecimento de energia eléctrica

O cliente poderá celebrar a contratação do fornecimento, depois de concluído o processo de construção. Para tal, deverá conhecer toda a informação sobre a comercialização de luz aprovada pela ERSE.

Para realizar a contratação da companhia que fornece a luz é imprescindível que o cliente apresente a seguinte documentação:

Potência elétrica contratada

A potência requisitada é atribuída a cada instalação elétrica, a qual corresponde à potência certificada pela entidade competente CERTIEL (em Portugal continental). Esta potência corresponde ao nível máximo que a instalação suporta. Para concluir a contratação, o cliente deve escolher uma potência dentro desses mesmos limites, expostos no certificado.

Depois de escolher a potência, o cliente deverá proceder à comparação das tarifas existentes no mercado. Esta comparação é feita com base em 3 factores:

  1. Potência máxima que o cliente em questão pode contratar
  2. Qual a real potência de que necessita
  3. Qual é o preço que face â potência oferecida e à necessária se traduz numa maior poupança

sistema de tarifas da luz português está ao abrigo do mercado livre

Sabendo que o sistema de tarifas da luz português está ao abrigo do mercado livre, sabemos, também, a quantidade de ofertas em que este se traduz. Esta variedade, oferece a oportunidade a cada cliente de poder escolher a tarifa que melhor se adapta às suas necessidades de consumo.

Desta maneira, ao poder escolher a companhia que lhe vai fornecer energia elétrica é evidente que terá a possibilidade de poupar na fatura de luz. Para tal, também, o nosso site é uma ajuda.

Que fornecedor elétrico contratar?

Poderá a través do mesmo, encontrar toda a informação necessária para este fim, como, poder verificar o tarifário disponível apresentado das diferentes empresas comercializadoras em Portugal, que são:

  • Galp Energia
  • EDP Comercial
  • Ylce
  • ENAT
  • Iberdrola
  • Endesa
  • AUDAX
  • LUZBOA

Prazo para a ativar a eletricidade

Prazo da ligação elétrica: Após cinco dias úteis do contrato ser celebrado, um técnico acompanhado de um responsável concluirá a operação e ligará a energia contratada.

Uma vez contratado o fornecimento de electricidade, o cliente já poderá solicitar o do gás natural. Sem luz, o consumidor não pode fazer a ligação do gás à rede de distribuição de gás natural em Portugal.