Quais os Fornecedores de Energia em Portugal?

Call de energia

A Selectra oferece-lhe todas as informações sobre luz e gás!

Somos especialistas em ajudar os consumidores a poupar nas suas faturas de luz e gás. Poupe com a Selectra!

Com a liberização do mercado de eletricidade e gás, iniciada em 2006 e 2010, respetivamente, e com a entrada de novos fornecedores de energia, o mercado da energia tornou-se mais competitivo e permitiu aos consumidores passarem a poder escolher os comercializadores de energia de sua preferência, bem como as melhores tarifas de luz e gás a contratar.


Fornecedores de energia em Portugal

Em 2006, deu-se a liberização do mercado de eletricidade em Portugal. Em 2010, a liberização do mercado de gás natural. Desde então, iniciou-se a separação ente as atividades de distribuição e de comercialização da eletricidade e do gás natural.

Até 2006, o grupo EDP era responsável pela distribuição e comercialização da eletricidade, possuindo o monopólio deste mercado. Os preços eram fixos e os consumidores não podiam escolher livremente a companhia de energia que queriam contratar.

No entanto, tudo muda com a liberização do mercado energético em Portugal. Agora, as atividades de distribuição e comercialização encontram-se separadas, ao abrigo do mercado livre, permitindo aos consumidores contratar livremente, e sem custos adicionais, as tarifas aos fornecedores de energia que desejarem. No entanto, os consumidores não podem escolher a distribuidora, pois esta é atribuida consoante a zona de residência de cada um.

  • Principais fornecedores de energia em Portugal
  • EDP Comercial
  • Galp Energia
  • Endesa
  • Iberdrola
  • Goldenergy

Quais as funções das comercializadoras de energia?

As comercializadoras atúam como intermediárias entre as distribuidoras e os consumidores, sendo responsáveis por atribuir os preços da energia (tendo em conta a regulação da ERSE), assim como de faturar a energia consumida por cada cliente.

  1. Produzir a sua própria eletricidade, ou comprá-la no mercado grossista;
  2. Vender energia livremente para consumidores finais;
  3. Aceder às redes de transporte e de distribuição mediante o pagamento de tarifas de acesso estabelecidas pela ERSE;
  4. Respeitar a qualidade e o abastecimento contínuo de eletricidade e gás natural;
  5. Disponibilizar aos seus clientes acesso à informação de forma simples e compreensível;
  6. Receber o pagamento dos clientes e destiná-lo a pagar taxas, impostos e outros custos relacionados com a rede.

Como comparar as empresas de energia?

Quando nos encontramos com a tarefa de escolher a comercializadora de eletricidade e gás natural para a nossa casa ou negócio, o primeiro que devemos ter em conta é que devemos realizar uma comparação exaustiva de modo a encontrar a tarifa mais indicada às suas necessidades e ao seu perfil de consumidor.

Se está a considerar mudar de fornecedora elétrica ou de gás natural, aconselhamos a realizar um estudo de todas as possibilidades, antes de partir para qualquer tipo de contratação, permitindo-lhe assim conhecer em detalhe todas as opções de tarifas oferecidas no mercado livre.

Por exemplo, para realizar esta comparação é importante considerar as horas e dias em que consome mais energia, as dimensões do seu imóvel, o número de pessoas que o habitam e a quantidade de eletrodomésticos que costuma usar. Com estes elementos, já se conseguirá realizar um estudo básico que permite aconselhar a melhor tarifa para a sua situação e assim poupar na sua fatura de energia.

Atualizado

Pague menos pela sua fatura de energia ⚡

211 451 219
Quero que me liguem