Está aqui

Tipos de tarifas elétricas

banner tarifa

call lojaluz

tipos tarifas eletricas

Mude sem notar diferença no fornecimento!

Normalmente os clientes que fazer uma nova ligação á rede elétrica pensam que têm poucas opções de escolha á hora de contratar uma tarifa de eletricidade. Estão enganados.

No mercado livre português existe um leque extenso de tarifas de luz, estas tarifas podem-se dividir em três tipos segundo o ciclo horário de utilização da energia:

Escolher uma tarifa de luz:

O cliente tem que escolher uma tarifa de luz quando faz a nova ligação ou quando altera a titularidade do contrato e quer contratar uma tarifa diferente da que tem o seu contrato aplicada.

Quando o cliente tem que escolher a tarifa, o primeiro é verificar o preço da energia e do termo fixo. Estes dois pontos da fatura de luz são a melhoria da despesa mensal.

Tenha noção de que a tarifa mais económica não sempre é a melhor, porque existem condições contratuais que o cliente deve verificar antes de celebrar o contrato.

A maior poupança pode tê-la se juntar o fornecimento de gás natural e de luz na mesma factura. Os descontos são mais altos se fizer a factura conjunta dos fornecimentos. As facturas de gás e as facturas da luz são muito parecidas, mas o seu entendimento pode ser melhor se for uma factura conjunta. 

Tarifa Simples

A tarifa simples é a única que não tem diferença horária na sua tarifa. Quer dizer, que mantém o mesmo preço ao longo das 24 horas do dia. Desta maneira, o cliente escusa-se de estar preocupado com o momento em que faz cada consumo. O preço da energia neste caso será igual em todas as horas, baseado na regulação da ERSE, como todos as tarifas.

Se não tiver tarifa simples, tem que ter muita atenção ás horas e ao ciclo horário de cada tarifa e os preços de cada período.

Tarifa bi-horária

Este tipo de tarifas depende do consumo que o cliente faz na sua vivenda. O primeiro que o cliente deve fazer é ver o ciclo horário que as tarifas propõem. São dois termos os que explicam o ciclo horário:

  • Horas de Vazio: horas em que geralmente o consumo é mais baixo e o preço da energia é mais baixo (até 50% do preço regulado pela ERSE)
  • Horas Fora de Vazio: limite horário em que o consumo geralmente é efetivo nas vivendas, e o preço da energia é mais alto.
TIPO CICLO

Hora de Vazio

Das 22:00 ás 8:00

Hora fora de Vazio

Das 8:00 ás 22:00

Tarifa Tri-Horária

Este tipo de tarifa parte as 24 horas que tem um dia em três grupos, fazendo um preço para cada um. O motivo desta tarifa é aproveitar as horas que geralmente têm menos consumo para fomentá-lo, e decrescer o consumo durante as horas que mais kWh se consomem em Portugal. O preço da energia, baseado na regulação da ERSE como todos as tarifas, muda dependendo da hora em que se faça o consumo.

  • Horas Ponta: são as horas que têm um preço maior.
  • Horas Cheias: estas horas apresentam um preço médio, mas mais alto que o da tarifa simples.
  • Hora Vazio: são as horas mais econômicas da tarifa.

Ciclo horário durante o inverno:

TIPO DE HORA PERÍODOS

Ponta

 

das 9:00 ás 10:30

das 18:00 ás 20:30

Cheia

das 8:00 ás 9:00

das 10:30 ás 18:00

das 20:30 ás 22:00

Vazio

das 22:00 ás 8:00

Ciclo horário durante o verão:

TIPO DE HORA PERÍODOS

Ponta

 

das 10:30 ás 13:00

das 19:30 ás 21:00

Cheia

 

das 8:00 ás 10:30

das 13:00 ás 19:30

das 21:00 ás 22:00

Vazio

das 22:00 ás 8:00

Comparação das tarifas:

Para saber qual dos três tipos de tarifa é mais rentável, o cliente deve fazer um estudo estimativo do seu consumo e das percentagens de consumo durante cada tipo de hora.

A comparação de tarifas elétricas é uma gestão que o cliente deve fazer, mas também verifique se quer mudar de comercializador para melhorar a sua situação e

Compare as tarifas e mude de comercializadora para poupar com a conta da luz. Reduza a sua despesa mensal. Encontre a sua tarifa elétrica.

É a mesma instalação para qualquer tarifa?

Não todas as instalações elétricas têm disponibilidade para este tipo de tarifas. Se um cliente quer contratar uma tarifa com diferença horária, então deve perceber que a instalação deve ser retocada. Talvez não precise de um reforço por parte da distribuição elétrica, mas devem ir até o contador e mudar, para que automaticamente se faça a contabilidade do consumo por cada período do ciclo.

Se fizer um reforço no ramal (coisa que não é tão comum) então deve solicitar um novo certificado da instalaçãoá EDP Distribuição.