Como posso entender a minha fatura da eletricidade?

Quero perceber factura da eletricidade

Independentemente da companhia que escolher para lhe fornecer electricidade dentro do mercado energético liberalizado da luz a estrutura da sua fatura será muito parecida. Perceba como se estrutura a sua fatura e realmente o que é que está a pagar.


Quais são os elementos obrigatórios que devem constar da fatura de electricidade?

A fatura de electricidade contém diversas informações obrigatórias, entre as quais:

  1. as quantidades de energia consumidas (obtidas por leitura ou estimativa)
  2. os encargos de potência e os valores relativos ao acesso às redes
  3. as taxas e impostos aplicáveis (ex.: IVA, contribuição audiovisual, taxa de exploração das instalações eléctricas)
  4. o nome a sede ou domicílio do cliente e do comercializador
  5. as datas e períodos de fornecimento facturados
  6. os prazos e meios de pagamento
  7. o código do ponto de entrega (uma espécie de BI da instalação do cliente) e código de identificação do local

Como é que a companhia elétrica chega ao preço final que eu tenho que pagar?

O valor final a pagar pelos clientes resulta da quantidade de kWh consumidos (lidos ou estimados) a multiplicar pelo preço do kWh. A este valor acresce o valor da potência contratada. Ao valor total soma-se o respectivo Imposto de Valor Acrescentado (IVA), bem como outras taxas e impostos aplicáveis ao fornecimento de electricidade. Esse IVA da luz sofre alterações a partir de julho de 2019, quando passa de 23% para 6%.

Mas não é assim tão simples. Essa alteração só ocorre sobre o valor fixo das faturas de energia - o preço da potência, e não o preço do kWh - e apenas só para as potências mais baixas - as de 3.45 kVA. Apesar de se estimar que esta medida abranja mais de 3 milhões de contratos de luz, no fim, a medida vai permitir a poupança de cerca de dois euros mensais a cada um deles.

Outras informações da factura de eletricidade

  • A factura deve conter ainda outras informações, tais como:
  • demais serviços prestados, se for o caso
  • emissões de CO2 correspondentes à energia consumida e facturada
  • contactos do comercializador
  • contactos destinados a reportar avarias e emergências
  • valor (em %) das fontes de energia primária utilizadas na produção de electricidade

Facultativamente, a fatura pode ainda conter outra informação, nomeadamente:

  • informação considerada necessária à gestão de clientes ou de pagamentos por parte do comercializador, nomeadamente números de autorizações de débito, referências para pagamento, etc;
  • informação que o comercializador considere relevante incluir, nomeadamente relativa ao fornecimento de energia, tais como n.º de cliente ou outros dados relevantes da relação comercial.

O preço do kWh e o preço da potência contratada dependem da opção tarifária.

Escolha qual a opção tarifaria da luz que mais lhe convence e mais se adequa as suas necessidades e escolha de entre as diferentes companhias que lhe proporcionam o serviço de electricidade no mercado liberalizado:

  • Galp Energia
  • EDP Comercial
  • Ylce
  • ENAT
  • Iberdrola
  • Endesa
  • AUDAX
  • LUZBOA

Descubra também se lhe compensa contratar um serviço dual de luz e gás.

211 451 219
Quero que me liguem